Politica

PREFEITA DE SERINGUEIRAS DECRETA ESTADO DE CALAMIDADE PÚBLICA

Em razão da emergência de saúde pública internacional, a prefeita Leonilde Alfen Garda assinou neste sábado (21), o decreto de calamidade pública em Seringueiras pelo período de 15 dias. Com isso, há várias determinações vigentes por este prazo, em combate a propagação da corona vírus.

Entre as medidas, está o fechamento de estabelecimentos comerciais, com exceção daqueles essenciais, como:  FARMÁCIA E DROGARIA, CLINICA DE ATENDIMENTO MEDICO, MERCADO E SUPERMERCADO, RESTAURANTE E PADARIAS, POSTOS DE COMBUSTÍVEL, CONSULTÓRIO VETERINÁRIA, BANCOS E COOPERATIVA DE CREDITO FINANCEIRO SEM ATENDIMENTO AO PUBLICO SOMENTE CAIXAS ELETRÔNICOS.

Este tem autorização para manter atendimento, mas devem seguir uma série de medidas de higienização e controle de aglomeração. A lotação não pode exceder 20% da capacidade estabelecida, em caso de filas essas deverão ter distancia miníma de 2 metros de cada pessoa.

OS COMÉRCIOS PRESTADORES DE SERVIÇOS, COMO SERVIÇOS DE TÁXI E MOTO TÁXI, CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO,   OFICINAS MECÂNICAS E BORRACHARIA,  PODERÃO ATENDER APENAS OS SERVIÇOS DE EXTREMA URGÊNCIA. 

O decreto também suspende a realização de qualquer tipo de evento, independentemente de sua característica. Há limitações em velórios e suspensão de encontros religiosos, também para evitar aglomerações.

Nos órgãos públicos municipais, o atendimento ao público está suspenso, mantendo-se o expediente interno, podendo os secretários municipais promover escalas entres os funcionários para reduzir o fluxo de pessoas.

A população pode buscar meios como telefone e internet para solicitar atendimento. Funcionários a partir de 60 anos, doentes crônicos, gestantes, por exemplo, estram em regime remoto de trabalho. Seguem sem alteração os serviços essenciais de saúde e desenvolvimento social, entre outros.

O decreto na integra pode ser lido abaixo:

DECRETO Nº 059/GAB/PMS/2020

DECRETO Nº 060/GAB/PMS/2020.

.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *