Policiais

JARU=PM prende motociclista que realizava serviço de delivery de drogas dona de “boca de fumo “que escondia entorpecentes no telhado

26 de maio de 2020                      matéria : Cézar Júnior

Uma guarnição de serviço do 8º Batalhão de Polícia Militar em Jaru, durante patrulhamento de rotina na manhã desta terça-feira (26) pelo Bairro Jardim Novo Estado, ao chegar na rua Marcílio Dias, avistou um senhor saindo de uma residência com portão azul, em uma motocicleta Honda NRX Bros de cor vermelha, que ao avistar a viatura policial, o condutor mostrou bastante nervosismo.

Diante do exposto, os policiais acionaram a sirene e o giroflex e deram ordem de parada ao condutor da moto, sendo que todas as tentativas foram desobedecidas e o condutor saiu em arrancada brusca, não obedecendo placas de sinalização.

Ignorando todas as ordens emanadas pelos militares, em dado momento o indivíduo tentou efetuar uma conversão e acabou sofrendo uma queda, momento este em que a guarnição conseguiu abordá-lo e ao fazer a revista pessoal, foi encontrado ao lado do condutor uma grande porção de droga do tipo crack, pesando aproximadamente 50 gramas, e a quantia de R$ 85,00.

Foi então dado voz de prisão e, questionado sobre aquela droga, o mesmo informou apenas estar transportando para uma mulher e que receberia a quantia de 50,00 pelo serviço no ato da entrega para o destinatário.

Diante da situação, a guarnição deslocou-se até a residência da mulher indicada e foi feito toda a busca em sua residência, na qual a guarnição recebeu o apoio da equipe Bravo, e no imóvel foi encontrado a quantia de R$ 880,00 dentro de um travesseiro e no canto superior do colchão da cama tinha buracos, possivelmente usados para guardar drogas. No quarto foi encontrado ainda um cofre com R$ 275,65.

Ainda na revista na residência, foram encontrados 4 cadernos com anotações da movimentação do tráfico. Diante da situação, a dona da casa recebeu voz de prisão pelo crime de tráfico e foi conduzida até a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) pela equipe Bravo.

Porém, quando a guarnição de serviço saía da residência, uma testemunha, que não quis se identificar, avisou os PMs que já viu a conduzida mexendo no telhado da casa, em um corredor. Então a guarnição retornou ao fundo da residência e, com o auxílio de uma escada, e na presença de uma testemunha que lá trabalhava como pedreiro, foram localizadas no telhado várias porções de drogas aparentando ser crack, no total de 8 parangas já embaladas para o comércio de entorpecentes. Foram encontradas também 18 parangas de substância entorpecente aparentando ser cocaína, também já embaladas para comércio, além de balança eletrônica de precisão.

Toda a substância entorpecente foi apreendida e alguns objetos de procedência duvidosa foram apresentados, juntamente com o motociclista que realizaria a entrega da droga e a dona da “boca de fumo”, na Unisp de Jaru para ser lavrado o flagrante de delito.

Fonte notícias mais

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *