Noticias

Chefe de gabinete do Iperon morre de covid-19 em Rondônia

A chefe de gabinete do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos (Iperon) morreu neste domingo (14), vítima do novo coronavírus. A informação foi confirmada pela assessoria do órgão. A Associação dos Procuradores do Estado de Rondônia (APER-RO) também comunicou a morte da servidora (veja íntegra).

Maria Conceição Mascarenhas tinha 57 anos e chegou a ser entubada no último sábado (13). Porém, não resistiu e morreu na manhã deste domingo. Ela é o primeiro óbito oriundo da doença registrado no instituto.

Conforme a porta-voz do Iperon, Conceição precisou ser internada no Hospital Santa Marcelina na última semana com sintomas da doença.

O corpo de Maria foi enterrado na tarde deste domingo no cemitério Recanto da Paz e não houve velório. Servidores chegaram a fazer um cortejo como último

Cedida pela Procuradoria-Geral do Estado de Rondônia (PGE-RO), Maria Conceição era lotada no Iperon desde 2014. Ela deixa esposo e dois filhos.

Confira nota do Iperon sobre a morte da servidora:

É com o coração pesado de tristeza que o Iperon informa o falecimento de Maria Conceição Mascarenhas, nossa servidora chefe de gabinete. Conceição faleceu na manhã deste domingo (14/06). Pedimos orações pelos familiares e por nós, amigos, colegas de trabalho que conviviam com ela. Que Deus nos conforte nesse momento tão difícil.

APER-RO também divulgou nota sobre a morte de Maria:

A Associação dos Procuradores do Estado de Rondônia (APER-RO) comunica, com profundo pesar, o falecimento da servidora da PGE-RO à disposição do Iperon, Maria Conceição Mascarenhas. Com alto grau de comprometimento em suas atividades, Conceição, como era conhecida e querida por todos, foi muito atuante durante sua carreira no serviço público, com responsabilidade e colaboração com os demais colegas.

Ascensão da Covid-19

O estado de Rondônia chegou a 11.632 casos de coronavírus e 309 mortes no sábado (13), segundo boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Foram 408 novos casos da doença em relação a sexta-feira (12), quando haviam 11.224 infectados.

Entre os casos há um idoso de Porto Velho que tinha 100 anos e uma idosa de Novo Horizonte de 82 anos. A morte de uma idosa de 76 anos de Sapezal (MT) também foi inserida na estatística de Porto Velho.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *