Policiais

Homem se nega a usar máscara em supermercado e é morto a tiros pelo gerente

22 de junho de 2020                      matéria ; Cézar Júnior

A vítima teria atingido o gerente com dois golpes de faca durante a briga. Na sequência, levou dois tiros disparados pelo funcionário

Um homem, 36 anos, foi morto a tiros pelo gerente de um mercado de Vacaria, na serra gaúcha, distante 240 quilômetros de Porto Alegre. Segundo a Polícia Civil, a vítima teria se negado a usar a máscara para entrar no estabelecimento. Então, o gerente insistiu que ele usasse o item de proteção individual.

O desentendimento aconteceu por volta das 19h30 desse sábado (20). A vítima teria atingido o gerente com dois golpes de faca e, na sequência, levou dois tiros disparados pelo funcionário do mercado.

Segundo as investigações, o homem que foi baleado tentou ingressar no estabelecimento sem usar máscara de proteção. Barrado, ele iniciou uma discussão. Recusando-se a colocar o acessório, o cliente puxou uma faca e agrediu o gerente com dois golpes na altura abdômen.

O cliente foi socorrido, mas morreu pouco depois. O gerente do supermercado também foi socorrido e está hospitalizado. As armas utilizadas foram apreendidas.

A identidade da vítima não foi revelada e, de acordo com os registros policiais, ele possui antecedentes por crimes de trânsito e ameaça. O gerente tinha porte e posse de arma de fogo e não tinha antecedentes criminais.

O uso de máscaras é obrigatório no estado devido à pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A regra foi estabelecida pelo governador, Eduardo Leite (PSDB).

(*) Com informações do Metrópoles

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *