Noticias

JARU =após assalto à indústria,PM persegue e captura cinco acusados e apreende duas armas de fogo

20 de janeiro de 2021                               matéria = Sérgio F.F

Bandidos armados invadiram na noite desta terça-feira (20) uma indústria localizada às margens da BR-364, renderam o vigia e roubaram sua arma de fogo e um colete à prova de balas.

Segundo informações, quatro elementos adentraram a indústria pelos fundos e armados com uma pistola e sob grave ameaça, renderam o vigia que faz a ronda e roubaram um revólver da marca Taurus, calibre 38 municiado, um coldre e um colete à prova de balas.

Guarnições de serviço da Polícia Militar foram acionadas e compareceu ao local do crime, onde de posse de informações que, na fuga os elementos saíram pelo mesmo caminho que entraram, os policiais realizaram buscas na Linha 608, que fica nas proximidades da indústria assaltada

Logo na entrada da referida linha, a aproximadamente 6 quilômetros da BR-364, uma guarnição se deparou com um escapamento de carro caído no meio da via, sendo que ainda estava quente no momento que fora encontrado. Após isso, os militares seguiram pela vicinal e a cerca de 10 quilômetros depois, abordaram dois suspeitos, um de 24 anos e outro de 27, ambos sujos e molhados, como se tivessem andado pelo mato. Os abordados estavam em um veículo da marca Volkswagen, modelo Gol de cor preta, sem o escapamento, já retornando para a cidade de Jaru. O veículo estava também sem o para-choque traseiro.

Ao ser indagado sobre o quê fazia naquela vicinal aquela hora, um dos suspeitos declarou que estava desde cedo numa linha que fica a aproximadamente 75 quilômetros da cidade de Jaru mostrando um sítio seu para alguém que queria comprar, dizendo que andou no meio do mato o dia todo e que saíram de lá por volta das 19 horas. Porém o escapamento que fora encontrado ainda quente conferiu como sendo do veículo que estavam no momento da abordagem.

O abordado passou o seu endereço à guarnição e com a chave da casa a equipe Bravo foi até a residência e encontrou várias munições de calibre 380, .28 e .38, além de alguns relógios e jóias, semelhantes a objetos produtos de um roubo acontecido na zona rural de Theobroma no última dia 03 de janeiro, onde as características dos abordados batem com as dos elementos que realizaram o assalto, sendo que os dois tem sítio próximo ao local desse roubo.

Na residência do acusado foram encontrados ainda pelos policiais três veículos, sendo duas motocicletas Honda, modelo Fan, uma ESI com placa de Ji-Paraná e outra ES com placa de Ariquemes, ambas ano 2013 de cor preta, além de um veículo Chevrolet, modelo Celta, ano 2003 de cor vermelha.

Foi verificado ainda pelos policiais os celulares dos abordados, os quais disseram que não teria problema, tendo em vista que são trabalhadores e não tem nada para esconder; porém, ao verificar a linha do tempo do GPS do aparelho de uma deles, mostrou que ele teria feito o trajeto de sua casa até a indústria assaltada por volta das 18h16 desta terça-feira.

Dando continuidade às investigações, uma guarnição fez deslocamento pelas vias vicinais indo até Theobroma e
saindo em Jaru pela Linha 608, onde próximo à saída da vicinal, já chegando na BR-364, foi avistado um veículo GM Corsa ano 2001, de cor prata, com placas de Porto Velho, conduzido por um elemento já conhecido pelas guarnições entrando pela linha.

A guarnição suspeitou que o suspeito poderia ter ido buscar os outros envolvidos no roubo, que poderiam ter ficado no mato esperando apoio. Os militares esperaram o veículo sair da vicinal para realizar uma abordagem e ao avistá-lo saindo da linha, o que foi feito, porém o condutor não obedeceu a ordem de parada, sendo observado que um dos ocupantes estava com uma arma de fogo na mão, no banco de trás e na iminência de atirar contra a guarnição, então foi necessário efetuar três disparos, que pegaram na parte da tampa traseira do veículo. Com isso, o suspeito jogou uma pistola .380 que portava no mato, às margens da BR-364, só parando mais a frente.

Durante revista no veículo, foi encontrada mais uma arma de fogo, que o condutor tentava esconder no assoalho do carro. Após fazer uma revista minuciosa nos elementos e também no veículo, foi encontrado o colete balístico e a arma roubada do vigilante com 5 munições intactas e o coldre do revólver, além de uma lanterna usada pelos elementos, uma bolsa que usavam no roubo. O celular roubado do vigilante também foi localizado, que havia sido jogado no mato no momento da primeira abordagem aos dois primeiros suspeitos.

Os cinco acusados no envolvimento do roubo foram apresentados na Unisp de Jaru, juntamente com as armas, veículos e demais objetos apreendidos para as providências cabíveis.

Fonte: Anoticiamais

    

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *